Carregando...

5 passos para trabalhar nas férias

Depois da maratona de provas e trabalhos do mês de junho, finalmente chegaram as merecidas férias. Aquele momento em que você está com muito tempo livre para descansar, refletir e, quem sabe, mudar o rumo da sua carreira profissional. 

O tempo das férias é perfeito para você começar a planejar sua carreira, correr em busca de um estágio ou até mesmo um emprego temporário. 

E você sabe como começar? 

Sair enviando currículos para todas as vagas possíveis e imaginárias não é a melhor solução. Por isso, vamos fazer um pequeno guia de cinco passos sobre como conseguir um estágio nas férias.


Como conseguir trabalho nas férias em 5 passos

1º - Entenda quais são os seus interesses e trace objetivos

Antes de começar a procura pelas vagas, você precisa decidir em que segmento deseja atuar. Se está cursando uma faculdade de administração, vai para recursos humanos ou gestão? Se faz jornalismo, prefere trabalhar em uma redação ou assessoria de imprensa? 

Quando você define exatamente o segmento que quer, é a hora de preparar o currículo para vagas específicas. Seja detalhista no currículo, mostre qualidades e características que são importantes para o seu objetivo e não tenha medo de colocar suas experiências e projetos de faculdade em seus materiais. 

Atualize seu currículo, portfólio e o perfil no Linked in, de modo que passem para os avaliadores uma mensagem única, sempre em harmonia com o objetivo final.

2º- Mapeamento de sites de vagas, empresas e outras páginas

Já decidiu a área de atuação? Então chegou a hora de usar o Google e sites especializados de seu segmento para mapear as oportunidades. Pesquise sobre as empresas em que você deseja trabalhar, entenda como elas se comunicam com o público e divulgam suas vagas: pelo site institucional, por empresas de recrutamento ou, até mesmo, pelas redes sociais.

Faça um levantamento completo de oportunidades e organize-as de acordo com o critério desejado. Você pode elencá-las pelas que têm melhor remuneração ou pelas quais o desejo  de trabalhar é maior. Monte uma checklist para controlar o envio de e-mails e mensagens. Quando possível, veja se você pode visitar a empresa para conhecê-la. Esse tipo de atitude demonstra iniciativa e interesse pelas oportunidades, um diferencial em um momento no qual todos se comunicam por e-mail ou redes sociais.

3º- Busque indicações e referências

Indicações, comentários e referências sobre o seu perfil e trabalhos realizados podem fazer a diferença na hora de encontrar uma vaga. Isso porque falar de si mesmo acaba se tornando algo chato e repetitivo para os recrutadores.

Por esse motivo, enriqueça seu currículo com indicações e referências de pessoas com as quais teve experiências profissionais e acadêmicas. Se não houver experiência no mercado de trabalho, procure seus professores de faculdade. A credibilidade deles será importante e mostrará seu interesse por oferecer sempre mais informações para os recrutadores de RH. 

4º - Comece um projeto seu

Uma das principais queixas de quem começa a procurar um estágio é a de não possuir experiência de mercado para apresentar. O que poucos entendem é que os times de recursos humanos das empresas não buscam um profissional experiente para um estágio, afinal, este é apenas o começo de uma longa jornada profissional.

O que é avaliado, de fato, é o interesse do entrevistado pela área e o seu esforço para se candidatar a determinada vaga.

Por isso, se você não tem um projeto pessoal, está na hora de aproveitar as férias e começar.

Quer um exemplo? Um blog sobre tendências, novidades e, principalmente, a sua opinião sobre o segmento  é um ótimo jeito de mostrar a professores, amigos e recrutadores que você está atento ao mercado de trabalho e pronto para oferecer ideias novas.

5º -  Relacionamento

Um dos pontos mais importantes para se conseguir uma oportunidade no mercado de trabalho é o relacionamento com profissionais da área.

Uma dica para quem é aproveitar o tempo livre das férias para se inscrever em cursos de curta duração, ir a encontros e palestras sobre a área de interesse. 

E não basta apenas ir aos eventos, tem que interagir! Converse com as pessoas, das mais novas às mais experientes. Essas conversas podem te ajudar a comprovar se uma escolha foi a correta e, também, te ajudarão a entender o comportamento do mercado.

Estes eventos e conversas são o começo de uma rede de relacionamentos que te levará mais longe, com muito aprendizado, amizades e futuras oportunidades de emprego.

Preparado para iniciar sua carreira profissional?

Se você procura uma faculdade que ofereça ensino de qualidade e caminhe junto com o mercado de trabalho, venha conhecer a ESAMC.

Com um corpo docente atento às novidades, a ESAMC vai te levar para o mercado com preparo e qualificação para as melhores oportunidades de emprego!